HÉLIO JOSÉ, O EX-SENADOR MELANCIA, PERDENDO O MANDATO E PAGANDO MICO!

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 0 comentários
HÉLIO JOSÉ: O EX-SENADOR ‘MELANCIA” QUE PERDEU O MANDATO E  NÃO QUERIA DEIXAR O GABINETE
Apego ao cargo:Hélio José não queria deixar o gabinete no Senado Federal

A matéria no site Revista Fórum, diz que “aparentando estar embriagado, o congressista trancou-se em seu gabinete no Senado sem que ninguém conseguisse retirá-lo de lá”. Isso teria acontecido no último dia de mandato, em 31 de janeiro.
Hélio José (PSD) assumiu a vaga do Rodrigo Rollemberg no Senado, quando este concorreu e venceu as eleições de 2014.
A revista diz ainda que o chefe da segurança do Senado, Márcio Tancredi, diretor executivo da Casa, foi chamado às pressas para tentar resolver o impasse.
O senador Arolde Oliveira (PSD-RJ), que vai assumir o gabinete, foi pessoalmente ao local conversar com Hélio José e tentar convencê-lo a sair do local.
De acordo com a reportagem, Arolde dera até à meia-noite do dia 1 para que o parlamentar deixasse a sala. Por volta das 22h do dia 31 de janeiro ele desocupou o espaço. Porém, por volta das 23h30 ele voltou aparentando estar mais bêbado ainda e proferindo frases desconexas.
A reportagem entrou em contato cm a assessoria do ex-parlamentar para confirmar a história. Até o momento não recebeu retorno.

TORCEDOR HISTÓRICO DE LULA E DO PT:

Por causa da frase antológica, Hélio José ficou conhecido como "Hélio Melancia"!
Hélio José nunca escondeu suas origens e sempre declarou seu amor  por Lula e suas preferencias para que o PT uma dia voltasse ao Poder.
Em conversa com um blogueiro de Brasília, o senador Hélio José (DF), recém-filiado ao PMDB, revela detalhes das estratégias do partido no golpe contra a presidenta Dilma Rousseff. O áudio acabou sendo publicado na internet e divulgado pelo WhatsApp.
No diálogo, Hélio afirma que o vice-presidente Michel Temer precisou firmar compromissos com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, e com empresários para conseguir o comando do país. “Se o Temer assumir, o problema é que vai assumir o compromisso que ele teve de assinar com os bandidos do Cunha e com o grande empresariado”, revelou.
O parlamentar disse que ainda não se decidiu se votará contra ou a favor do impeachment no Senado, elogiou o ex-presidente Lula e garantiu que o Brasil irá “chorar lágrimas de sangue” e implorar pela volta do PT ao poder. Na opinião do senador, as pessoas foram às ruas por influência da Rede Globo e não vão demorar para perceber que a crise não será solucionada no governo Temer.
Hélio José também ressaltou o possível retrocesso nas conquistas sociais dos trabalhadores: “Vão ver a desgraceira que vai acontecer nesse país com arrocho, onde servidor público vai ser tratado na pinhola, onde o servidor público vai perder os seus direitos”. 

Procurada, a assessoria do senador não contestou as informações da gravação, mas disse se tratar de uma conversa informal que foi divulgada sem autorização do congressista.

FONTE: REVISTA FÓRUM.

0 comentários :

Postar um comentário