CORRUPTOMETRO; CASOS ESCANDALOSOS DE CORRUPÇÃO E DESVIO.

sábado, 17 de novembro de 2012 0 comentários
Para se ter uma ideia pequena do que a corrupção destrói de recursos públicos todos os anos no Brasil, veja abaixo uma pequena mostra do que roubam de nosso dinheiro, chamado de "público", em algumas das várias operações realizadas pela PF em  todos os estados do Brasil.



CORRUPTOMETRO; CASOS ESCANDALOSOS DE CORRUPÇÃO E DESVIO.
Aqui está contabilizada uma ínfima parte do dinheiro que alimenta a corrupção, fraudes e sonegação, mas poderia dar jeito na saúde, na segurança pública, no caos aéreo, na educação e em tudo que carece de recursos financeiros. O Corruptômetro é atualizado sempre que surge uma notícia confirmada de desvio de recursos públicos.
A partir de 13/04/08 passamos a contabilizar numa outra conta todo dinheiro mal gasto ou utilizado de forma irregular. O nome dessa conta é Custo Brasil.
A título de comparação foram destacadas partes do orçamento de 2008 da União (valores em R$)
Orçamento de 2008.
Saúde...................................................................42.497.000.000
Educação.............................................................12.700.000.000
Desenvolvimento social e combate à fome.....13.240.000.000


Perdas apuradas ou estimadas em fraudes e corrupção desde 17/10/07
TOTAL (R$).............................................................21.539.100.000
Operação Avalanche (OG11/10/08)..........................................???
Operação Resplendor (OG 26/09/08) ...........................10.000.000
Propinoduto (OG 19/09/08 e Folha 23/04/03).............200.000.000
Romênio Pereira (PT) (OG 24/08/08) .........................700.000.000
Operação Tarja Preta (OG 22/08/08) ...........................17.000.000
Extorsão e desvios no INSS (OG 09/08/08)..............1.000.000.000
Contrato Carapebus e Campos (OG 08/08/08).............11.500.000
Governo Garotino e ONGs (OG 18/07/08)..................700.000.000
Operação Chacal (OG 16/07/08) ................................550.000.000 (?)
Operação Satiagraha (OG 10/07/08)........................................???
Operação Vorax 2 (OG 09/07/08).................................55.000.000
Fraudes TJ Maranhão (OG 28/06/08)...........................90.500.000
Operação Quixadá (OG 25/06/08)............................................???
Desvio de Remédio do IASERJ (OG 24/06/08) ..............2.000.000
Fraude contra a Previdência (OG 24/06/08).................11.000.000 (pode chegar a 30.000.000)
Operação Influenza (OG 21/06/08)...........................................???
Sonegadores do INSS (OG 21/06/08) .....................6.000.000.000
Operação João de Barro (OG21/06/08)......................700.000.000
Operação Hígia (OG 14/06/08).....................................36.000.000
Operação Cana Brava (OG 13/06/08)......................2.000.000.000
Fraude Fisco (OG 07/06/08) ....................................1.000.000.000
Vereadores de Campos (OG 31/05/08).........................15.000.000
Fraudes na Editora UnB (OG 30/05/08)........................93.500.000
Fraudes ONG Agora (OG27/05/08).................................7.500.000
Operação Vorax (OG OL 20/05/08) - Reavaliada e contabilizada na Op. Vorax 2.
Superfaturamento na FAETC (OG 16/05/08)..................2.000.000
Zeca do PT (OG 14/05/08) ...........................................30.000.000
Operação Navalha - nova denúncia (OG 14/05/08).....300.000.000
Fraudes na extinta SUDAM (OG 14/05/08)....................18.000.000
Repasse do BNDS a ONGs Paulinho (OG/09/05/08).......7.200.000
CPI dos Cartões Corporativos (OG 01/05/08)..............651.000.000
Operação Auxílio Sufrágio (OG 25/04/08).......................5.000.000
Operação Santa Teresa BNDES (OG 25/04/08)..........424.000.000
Fraude Bolsa-Educação Alerj (OG 24/04/08)..................3.100.000
Operação Titanic (OG 09/04/08).....................................7.000.000
Operação Pasárgada (OG 10/04/08) ..........................200.000.000
Operação Bengala (OG 26/03/08) ............................................???
Operação Ancião (OG 26/03/08) ....................................1.000.000
Operação Rio Branco (OGLOBO 20/03/07) .................20.000.000
Operação Fariseu (OG 14/03/08).............................................???
Operação Telhado de Vidro (OG12/03/08).................240.000.000
Fraude Fantasmas da Alerj (OG 10/03/08).....................2.000.000
Operação Hurricane (OG 04/03/08)............................217.000.000
Operação Kabuf (OG 22/02/08)......................................6.000.000
Operação Flagelo (OG 14/02/08) .................................10.000.000
Falcatrua de deputados em Alagoas (OG 13/02/08)...200.000.000
Operação Uniforme Fantasma (OG 26/01/08) ............100.000.000
Operação Hemostasia (OG 26/01/08) ..........................10.000.000
Distribuidoras Beamar e Itumar (OG 21/01/08) ............42.000.000
Operação Navalha(OG 05/01/08).Ver (14/05/08).....................???
Escândalo do "Propinoduto"(OG 11/12/07)..................53.000.000
Esquema Romero e Tereza Juca (OG 07/12/07)..........29.000.000
Esquema ONGs - Garotinho (07/12/07) .....................453.000.000
Operação Jaleco Branco..........................................1.000.000.000
Operação Taturana (06/07/07)...................................200.000.000
Operação Fantasma.......................................................3.000.000
Operação Propina S.A. ...........................................1.000.000.000
Walfrido dos Mares Guia (OG 25/11/07).........................4.500.000
Operação Carranca (13/11/07).....................................20.000.000
Operação Kaspar II (FO 06/11/07) ..........................1.000.000.000
Operação Rodin - Detran RS (AE 06/11/07).................40.000.000
Fraude contra o sistema financeiro (OG 02/11/07).......40.000.000
Operação Tucumã (OG 01/11/07) ...............................10.000.000
Operação Metástase - Funasa (OG 26/10/07) ............34.000.000
Operação Carta Marcada (OG 24/10/07).....................80.000.000
CPI do Apagão - Infraero (OG 22/10/07)....................470.000.000
Fraude Cisco (OG 17/10/07) estimado....................1.500.000.000
Ou seja, em pouco mais de um ano, foram noticiadas fraudes e sonegações, que representam mais do que o orçamento da Educação! Somando o Custo Brasil, o valor ultrapassa os orçamentos da saúde e do desenvolvimento social e combate a fome.
Custo Brasil
Recursos mal gastos ou sob suspeita de uso irregular. Desde 13/04/08.
TOTAL (R$) ......................................................................8.031.900.000
Sistema de credenciamento do PAN (OG 26/09/08)..............26.700.000
Verba publicitária Lula (OG 10/09/08)..................................184.000.000
Emendas Individuais Parlamentares (OG 14/06/08).........4.200.000.000
Repasses Cid Gomes a parlamentares (OG 14/06/08) ........43.000.000
Repasse Montana Soluções Corporativas (OG 11/05/08)....14.200.000
Repasses Cid Gomes para APAE CE (OG 28/04/08)..............2.300.000
Repasses da FUNAI à ONGs (OG 27/04/08).......................179.000.000
Remuneração de mortos RJ (OG26/04/08) ..........................50.700.000
Vereadores do Estado do RJ (OG 20/04/08)..........................7.000.000
Fundações de apoio ao MEC (OG 20/04/08) .....................825.000.000
Indenizações Comissão de Anistia (OG 13/04/08) ...........2.500.000.000


CORRUPTÔMETRO - NOTÍCIAS

Operação Resplendor
(OGLOBO 26/09/08)
A Operação Resplendor da Polícia Federal desarticulou um verdadeiro consórcio do crime formado por 29 policiais federais, civis e militares do Rio e de São Paulo.
Segundo as investigações, os policiais receberiam R$ 50 mil mensais em propinas para fazer vista grossa às operações da quadrilha, que sonegava impostos e adulterava combustíveis.
Os empresários transportavam o produto de São Paulo e Minas Gerais para o Rio com notas frias. Além disso, em depósitos clandestinos do interior do estado, adulteravam gasolina e álcool, posteriormente distribuídos em postos da Região Metropolitana do Rio.
Dos 24 presos, 20 são policiais. Entre eles estão:
  • César Augusto Gomes Gaspar: delegado da PF, titular de delegacia de Volta Redonda;
  • Gustavo Stteel Lima: delegado da PF, substituto de César A. G. Gomes.
  • Sérgio Vinícius de Oliveira: agente da PF 
Também tiveram a prisão preventiva decretada:
  • Paulo Roberto Prette: empresário
  • Antônio Donizette: empresário
Ao todo, a Justiça Federal expediu 40 mandados de prisão e o Ministério Público federal denunciou 56 pessoas, entre policiais, empresários, políticos e despachantes.
Além da sonegação fiscal, a quadrilha também é acusada dos crimes de formação de quadrilha armada, corrupção ativa e passiva, falsificação de documentos, prevaricação, transporte clandestino de combustível e adulteração de combustível.
Suspeita-se que a quadrilha tenha também envolvimento com o poderoso cartel de cocaína do Vale do Norte na Colômbia.
Os prejuízos ao Estado em decorrência de sonegação foram estimados em R$ 10 milhões.

Operação Avalanche 
(OGLOBO 11/10/08)
A Operação Avalanche conduzida pela Polícia Federal resultou em 17 prisões e diversos mandados de busca e apreensão.
Entre os acusados, há empresários do ramo de exportação e agentes da Polícia Civil e Federal.
O grupo investigado e preso comandava uma rede de extorsão praticada contra empresários e funcionários da Receita Federal, dentre outros. O grupo era estruturado em três núcleos.
1 - Núcleo de extorsão:
  • Francisco Pellicel Júnior: chefe do núcleo e agente da Polícia Federal
  • Edisom Alves da Cruz (Edisom Negrão)
  • Eduardo Roberto Peixot e
  • Afonso José Penteado Aguiar.
2. Núcleo de fraude fiscal:
  • José Roberto do Nascimento (Zé Federal): chefe do núcleo e proprietário da empresa OCEAN LINE
  • Youssef Nakamori do Nascimento
  • Giorgio Kouri Zarif: agente de Polícia Federal aposentado
  • Paulo Endo e Daniel Ruiz Balde: agente de Polícia Federal aposentado
  • Fabio Gatto: investigador da polícia Civil de SP
3 - Núcleo de espionagem:
  • Marcos Valério Souza Dantas (o mesmo do mensalão): chefe do núcleo
  • Rogério Tolentino
  • Ildeu da Cunha Pereira
  • Eloá Velloso
  • Sívio Oliveira Salazar: delegado de Polícia Federal;
  • Antonio Hadano: delegado de Polícia Federal.
Somente um dos esquemas já apurado envolve sonegação de ICMS do grupo Cervejaria Petrópolis que teria sido autuada em 104,54 milhões.
O valor total de eventuais prejuízos ao Estado não foi divulgado.

Propinoduto I
(OGLOBO 19/09/08)
O caso do "Propinoduto I" é antigo e ocorreu no governo Garotinho. Somente agora com denúncias de irregularidades em bancos suíços onde a quadrilha do "Propinoduto" mantinha parte do dinheiro oriundo do esquema, será possível recuperar U$ 45 milhões.
O "Propinoduto I" foi um esquema de corrupção montado por Rodrigo Silveirinha Correa, na época secretário de Administração Tributária de Anthony Garotinho de 1999 a 2002. O grupo de fiscais comandado por Rodrigo identificava empresas sonegadoras para em troca de propina deixar de autuar as empresas ou reduzir o valor das multas. Além de Rodrigo Silveirinha estão envolvidos no esquema:
  • Carlos Eduardo Pereira Ramos: ex-chefe da Inspetoria de Contribuintes de Grande Porte, responsável pela fiscalização das 400 maiores empresas do Estado
  • Rômulo Gonçalves: trabalhava na Inspetoria de Contribuintes de Grande Porte
  • Lúcio Manuel Picanço: ex-chefe de gabinete da Secretaria de Fazenda do Rio
  • Amaury Franklin Nogueira Filho: auditor da Receita Federal
  • Axel Ripoll Hamer: auditor da Receita Federal
  • Sérgio Jacome de Lucena: auditor da Receita Federal
  • Hélio Lucena Ramos da Silva: auditor da Receita Federal
  • Lilian Negri: ex-superintendente de Fiscalização da Fazenda
  • Genilson Machado Bonfim: Fiscal do Estado
  • Benjamin Grynapel: Auditor fiscal.
O Governador Anthony Garotinho se declarou inocente e traído por Rodrigo Silveirinha.
Segundo estimativas feitas nos inquéritos o esquema lesou os cofres públicos em pelo menos R$ 200 milhões.

Romênio Pereira (PT) 
(OGLOBO 24/08/08)
O Ministério Público apontou Romênio Pereira, secretário nacional de Relações Institucionais do Partido dos Trabalhadores, como sendo o elo entre prefeitos petistas e uma quadrilha que teria desviado R$ 700 milhões em 119 prefeituras desde 2001. Também está implicado no caso o lobista João Carlos de Carvalho, que segundo o MPF comandava o esquema. Romênio subiu na hierarquia petista após queda de líderes envolvidos em crimes e escândalos como o mensalão. Em 2002 organizou a campanha de Lula nas pequenas cidades do país.

Operação Tarja Preta 
(OGLOBO 22/08/08)
A Operação Tarja Preta foi uma ação conjunta da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado e do Ministério Público Estadual e resultou na prisão de 13 pessoas acusadas de participarem de um esquema de corrupção na compra de medicamentos da prefeitura de Teresópolis. Entre os presos estão:
  • Paulo José Pereira Camandaroba - secretário municipal de Saúde;
  • Odenir Cardos Moreira (o Quincas) - ex-vereador;
  • Tarcísio Leles Ferreira Crespo - ex-chefe do setor de licitações.
O valor fraude foi de R$ 17 milhões.

Extorsão e desvios no INSS
(OGLOBO 09/08/08)
A 3ª Vara Federal Criminal condenou um grupo de 12 fiscais do INSS que supostamente agia num esquema de extorsão de dinheiro de empresas para reduzir a cobrança de contribuições. Os envolvidos foram condenados a penas de 2 a 13 anos. Por crimes como concussão, corrupção, crime tributário e peculato. O prejuízo para os cofres públicos foi de R$ 1 bilhão. Foram condenados:
  • Antonio Vinicius Monteiro: 11 anos e 10 meses;
  • Joaquim Acosta Diniz: 13 anos e 4 meses;
  • Francisco José dos Santos Alves: 4 anos;
  • Luiz Ângelo Rocha: 9 anos e 4 meses;
  • Arnaldo Carvalho da Costa: 9 anos e dois meses;
  • Paulinea Pinto de Almeida: 8 anos e 11 meses;
  • Paulo José Gonçalves Mattoso: 8 anos e 11 meses;
  • Rogério Gama Azevedo: 8 anos e 11 meses;
  • Francisco Cruz: 8 anos e 11 meses;
  • Arinda Rezende Pinho Monteiro: 2 anos e 3 meses;
  • José Eduardo Gomes Iuorno: 8 anos e 11 meses;
  • Geanete Assumpção José: 8 anos e 11 meses.
 E CASO QUEIRA SABER MAIS ACOMPANHE O CORRUPTOMETRO;

http://ofca.com.br/artigos/




0 comentários :

Postar um comentário