Projeto Promotoras Legais Populares realizou aula inaugural em Ceilândia,DF

terça-feira, 25 de abril de 2017 0 comentários

Projeto Promotoras Legais Populares realiza aula inaugural em Ceilândia

Mais de 60 mulheres participaram, no último sábado, 10 de abril, da aula inaugural do XIII curso de “Promotoras legais populares do DF”. A atividade, que foi realizada em Ceilândia, é resultado de uma parceria entre o Núcleo de Gênero Pró-Mulher do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), a Universidade de Brasília (UnB) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).
Para a promotora de Justiça Liz-Elainne Mendes, coordenadora do Núcleo de Gênero, o curso atende ao propósito de capacitação exclusiva de mulheres, com instrumental destinado ao enfrentamento das violências individuais e coletivas para garantia do pleno acesso aos serviços públicos. “É também uma oportunidade para a mobilização social das mulheres e o fortalecimento do trabalho em rede”, destacou.
Os instrutores são representantes da sociedade civil, militantes do movimento de mulheres, estudantes e professores da UnB, além de promotores de Justiça do MPDFT. As aulas são gratuitas e serão ministradas semanalmente, aos sábados, das 9h às 12h30, no Núcleo de Prática Jurídica da Faculdade de Direito da UnB (CNN 1 - Bloco E - Sobreloja - Ceilândia Norte).
O projeto foi implementado no Rio Grande do Sul em 1993. Desde então, a iniciativa vem sendo adotada em diversos estados e no Distrito Federal, onde existe desde 2005. Em maio deste ano, o curso será oferecido também em São Sebastião.

0 comentários :

Postar um comentário